domingo, 25 de julho de 2010

O que é real?

O que é real? O que podemos acreditar mutuamente e no que devemos desconfiar temerosamente? Por que quando apaixonadas, cremos que estamos ao lado do homem perfeito, que nos ama, que nos deseja, nós criamos uma ilusão irreal no nosso coração e na nossa razão, e depois PUF! Ele se transforma no pior dos homens, o mais insensivel, mais mau-amado, ele pareçe te odiar, fazer tudo para lhe causar ciume, raiva, dor, desespero. Como em um passe de magica, o amor que você jurava ser o mais real, o mais sincero, mais perfeito, se transforma num poço de dor e tortura.
Quando você olhava nós olhos dele você sentia borboletas no estomago, se sentia levitando de amor, se sentia a pessoa mais especial do mundo ao beija-lo, sentia-se viciada com o cheiro dele, abraçar ele te transportava pro lado bom da vida, a risada dele era capaz de iluminar seu dia.
E como um choque de realidade ele te faz sofrer tanto, ao olhar nos olhos dele voce sente vontade de chorar de dor, se sente a pessoa mais mau-amada do planeta, ao ve-lo com outra garota seu mundo acabava ali, sente crises de abstinência sem o cheiro dele, e nunca mais voce poderá desfrutar de um prazer tão irreal quanto o que ele te fazia sentir.
Enfim, o que é real ?

ouvindo: você vai voltar para mim -nathalia siqueira

Nenhum comentário:

Postar um comentário